Curtidas Curtidas:  0
  1. #1
    Roberto is offline Roberto's Avatar
    Administrator
    Data de inscrição
    Jan 2004
    Location
    Natal-RN
    Posts
    2,707

    Uma dura verdade - O ensino cristão não tem fundamentação teórica

    No insght anterior, Lawrence O. Richards, na obra “Teologia da educação cristã”, aponta um potencial conflito entre as convicções teológicas dos cristãos evangélicos e as teorias de Piaget/ Kohlberg em uma área crucial. Mark W. Cannister, em Cogntive Learning, Theories of, assinala: “Enquanto idéias de Piaget são úteis na compreensão das estruturas cognitivas do desenvolvimento humano, ele não aborda os absolutos morais sobre os quais os cristãos baseiam a sua personalidade”.

    Modernas teorias do desenvolvimento cognitivo têm sua origem nos escritos de Jean Piaget, cujo trabalho tem dominado o campo da epistemologia genética desde 1950. As Teorias de Piaget têm sido aplicadas também a outras configurações específicas, principalmente para o desenvolvimento moral através da obra de Lawrence Kohlberg e desenvolvimento da fé tal como foi articulada por James Fowler. Embora cada um desses escritores tenham alterado as teorias de Piaget, eles usam Piaget como base para a teorização das questões de moralidade e fé. Mesmo em relação a Kohlberg, Dennis Dirks comenta: “Kohlberg rejeitou o que ele descreveu "mandamentos divinos" como bases para o desenvolvimento moral. Sua preocupação, embora não focasse em reivindicações da verdade da Escritura, era com mandamentos bíblicos que representam absolutos que não são universais e que tendem a inibir o crescimento no raciocínio moral. No entanto, parece legítimo a sugerir que a preocupação de Kohlberg foi como a Escritura é, por vezes, ensina”.


    Embora Piaget tenha tido um impacto prodigioso na prática educativa e educação cristã, suas idéias receberam críticas. Algumas das outras acusações mais comuns contra ele são de que ele subestima as capacidades das crianças, seus estágios inferiores são descritas em termos negativos, ele superestima as habilidades de pensamento formal de adolescentes, e as fases não são tão distintas como ele propõe. No entanto, apesar das críticas, a teoria de Piaget do desenvolvimento cognitivo é tida em alta consideração como uma explicação para o desenvolvimento das capacidades mentais e funções. Madalena Molochengo, na obra Educação cristã – Curso Vida Nova de Teologia Básica, destaca: “Os autores em geral concordam que a teoria de Piaget é uma das bases do ideal da construção do conhecimento ... (p.53). Os fundamentos de Piaget trazem aos educadores cristãos muitas contribuições na área da psicologia educacional e do estudo da construção do conhecimento.. (p.59)”.

    Diametralmente, Lawrence O. Richards vê pouca relevância para a educaçãoo cristã nos escritos de Piaget: “contribuições de Piaget. Há muitas. Podemos abordar aqui somente umas poucas de destaques( para nós). (p. 146)”. Porém, Madalena Molochengo traz à baile o cerne da questão em torno de Piaget que é a “...necessidade de se perceber o todo e não somente parte do processo educacional” (p.46). Molochengo assina ainda a necessidade de uma fundamentação teórica: “A maneira como desenvolvemos a educação cristã hoje traz consigo uma teoria de aprendizagem implícita. Entretanto, ela não nos tem sido apresentada como teoria, mas sim como modo de fazer. Como educadores, o que sempre fazemos é executar e ensinar outros a executarem. Lemos bons manuais que contem informações preciosas. Fomos ensinados apenas a excecutar, sem pensar muito no porquê. Na verdade, não sabemos identificar quais são os principios da parendizagem que estão presentes no modelo apresentado.


    Rotular todo o passado como educação tradicional é uma forma muito “supercial” de conceituá-lo, além de não identificar os reais problemas de hoje. Paulo Freire, um grande educador brasileiro, chama a educação tradicional de “bancária”. Ele diz que o conheciment, quando passado para o aprendiz sem que haja, por parte do educador, a preocupação com a interação com o aprendiz faz entre o conhecimento novo e aquilo que ele já sabe, torna-se como um banco, no qual vão sendo depositados novos conhecimentos. Em determinados momentos, quando há necessidade de se fazer uso de tais conhecimentos, o aprendiz simplesmente vai até esse banco e saca o que lá foi depositado. Emm outras palavras, o professor fala, o aprendiz ouve e, quando tal conhecimento lhe é solicitado, ele, o aprendiz, devolve ou repassa o conhecimento exatamente da mesma forma como lhe foi passado.
    Essa forma de encarar a aprendizagem dominiou o cenário na educação cristã, impondo um modelo bastante engessado, durante muito tempo, que ainda tem fortes raízes. Recentemente, nossas igrejas têm sido confrontadas com novos modelos de organização eclesiásticas. No entanto, tais modelos não apresentam de forma clara algum referencial para um programa de desenvolvimento educacional, tampouco ensinam como o conhecimento se dá ou porque determinada maneira de ensinar está sendo adotada. A verdade o que temos é tão somente um novo formato para executar. Com tantas novidades nesses novos percursos, os educadores acabaram se perdendo e agora, a meu ver tanto o modelo educacional tradicional quanto os novos modelos ão possuem fundamentação teórica, mas apenas pratica. Gostaria de deixar claro que não estou criticando os idealizadores de tais modelos. Eles estão certos, pois os criaram para a realidade na qual suas igrejas estão inseridas! Minha crítica é voltada para nós mesmo, que aceitamos modelos e novidades sem antes fazermos uma avaliação criteriosa. (p.. 48 e 48)”

    Curso Vida Nova de Teologia Básica - Vol. 8 - Educação Cristã

    capa_cur8.jpg


    › Veja Mais: Uma dura verdade - O ensino cristão não tem fundamentação teórica

  2. #2
    Roberto is offline Roberto's Avatar
    Administrator
    Data de inscrição
    Jan 2004
    Location
    Natal-RN
    Posts
    2,707
    Não é somente o ensino cristão que padece de fundamentação teórica, o ensino secular também passa por crise, não de falta de fundamentação mas de erro de interpretação de fundamentos teóricos:

    http://www.escoladominical.net/showt...ll=1#post23325


  •   
+ Responder tópico
+ Novo Tópico

Resposta rápida Resposta rápida

  • :mad-new:
  • :RpS_flapper:
  • :barbershop_quartet_
  • :smilet-digitalpoint
  • :calm:
  • :victorious:
  • :emmersed:
  • :hopelessness:
  • :rapture:
  • :RpS_w00t:
  • :abnormal:
  • :tongue-new:
  • :distant:
  • :numbness:
  • :RpS_rolleyes:

Clique aqui para logar


Qual a capital do estado da Bahia?

Informação do Tópico

Users Browsing this Thread

Há atualmente 1usuários navegando neste fórum. (0 membros e 1 visitantes)

Tópicos Similares

  1. Lição 2 - A Palavra de Deus dura para sempre
    By SandraMac in forum 1º Trimestre - Revista 5
    Respostas: 1
    Último post: 16-02-14, 11:43 PM
  2. João e Gaio - Amigos de Verdade
    By Rose Diniz in forum Novo Testamento
    Respostas: 0
    Último post: 20-08-12, 04:43 PM
  3. A bíblia é a pura verdade?
    By Jonnys in forum Debates teológicos
    Respostas: 47
    Último post: 05-11-11, 12:59 PM
  4. A Verdade Acerca do Natal
    By elisabeth in forum Debates teológicos
    Respostas: 9
    Último post: 25-10-08, 06:37 PM
  5. Filosofia de Ensino
    By Pr. Cleverson in forum Artigos sobre Educação
    Respostas: 0
    Último post: 19-08-04, 01:27 AM

Permissões de postagem

  • You may post new threads
  • You may post replies
  • You may not post attachments
  • You may edit your posts
  •